quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Bancários entraram em greve ontem

A categoria dos bancários entrou em greve ontem, terça-feira, dia 6 de outubro, em todo o Páis, sendo que as principais reivindicações são o rejuste salarial de 16%, sendo a inflação do período mais aumento real de 5,7% e piso de R$ 3.299,66, vale alimentação e refeição no valor de um salário mínimo, três salários mais um fixo de R$ 7.246,00 na PLR (Participação nos Lucros e Resultados) e melhores condições de trabalho, com mais saúde e fim das metas abusivas.

Fazendo uma comparação, observamos que tais reivindicações estão bem abaixo dos lucros estratosféricos obtidos pelos bancos no último período. O setor financeiro é o resultado da fusão do capital industrial com o bancário. É o setor mais vinculado ao imperialismo norte-americano e europeu. O imperialismo iankee, do falcão Obama, tem patrocinado uma média de 1 golpe por ano no seu governo (Honduras,Paraguai, Venezuela, Tailândia, Ucrânia - neste país, os nazistas foram apoiados pelos israelenses; é mole ou quer mais?! -, Egito, Líbia, Síria, etc). O imperialismo, como dizia Vladimir Lênin, é o estágio superior do capitalismo, é a época dos monopólios, do capital financeiro (fusão do capital industrial com o bancário). É a época da reação em toda linha (OTAN – Organização do Tratado do Atlântico Norte, marines, drones, etc.)

O movimento pró-formação de uma Tendência Marxista-Leninista (TML) do PT expressa todo o seu apoio e solidariedade aos bancários nessa greve, tendo certeza que a categoria tem todas as condições, com firmeza, de conquistar as reivindicações de sua campanha salarial.

Ignácio Reis

Nenhum comentário:

Postar um comentário