quinta-feira, 7 de abril de 2016

PM do PSDB do Paraná massacra sem-terras

A Polícia Militar do Paraná fez uma emboscada e massacrou mais de 20 sem-terras, militantes do MST, matando 2 e ferindo os demais.

O massacre foi promovido a mando da empresa Araupel, de reflorestamento e beneficiamento de madeira, que fica no sudoeste do Paraná, no município de Quedas do Iguaçu.

Assim, depois de recentemente massacrar os professores, agora massacram os sem-terras.

A TML insiste que há necessidade no movimento de massas em geral, sobretudo os operários e os camponeses formarem comitês de autodefesa e  de luta contra o golpe da burguesia entreguista e pró-imperialista, como a do Paraná, liderada pelo governo do PSDB de Beto Richa e do juiz Sérgio Moro, que transformaram Curitiba numa Nova Guantánamo,  e o Estado do Paraná num estado sem lei, num verdadeiro faroeste, e estão querendo espalhar esse estado de coisas medievais, de trevas, para o Brasil inteiro.

- Abaixo a repressão no Paraná!

- Cobrir o Paraná de Comitês de autodefesa e de luta contra o golpe!

- Dissolução da Polícia Militar!

- Prisão e punição dos assassinos!

Anita Garibaldi

Nenhum comentário:

Postar um comentário